sexta-feira, 24 de junho de 2016

Lei de incentivo fiscal alavanca negócios com cervejarias artesanais em Nova Friburgo e primeiro Deguste lota a Praça do Suspiro

O município de Nova Friburgo é pioneiro na criação da lei de incentivo para produção e comercialização de cervejas artesanais. O objetivo é movimentar a economia, fomentar o segmento de negócio e, claro, incrementar o turismo local, atraindo um público que, possivelmente, ainda investirá em outras áreas de negócio da cidade. A lei foi sancionada pelo prefeito Rogério Cabral em agosto de 2015, com a ideia de transformar o município na capital nacional da cerveja artesanal.


Atualmente, Nova Friburgo já é reconhecida como polo de cervejas ditas especiais no Estado do Rio de Janeiro. De acordo com a subsecretaria de Planejamento e Desenvolvimento Econômico, o município possui 10 cervejarias legalizadas, além de outras três em fase de implantação e mais sete, de outras cidades, que estão em fase de negociação com a Prefeitura, com boas perspectivas de implantação. Levando em consideração que as fábricas produzem em média três rótulos, atualmente, o município produz aproximadamente 30 tipos de cervejas.

A lei de incentivo ainda permite que aproximadamente 900 estabelecimentos, entre bares, restaurantes, mercearias, padarias, lojas de conveniências etc, possam se beneficiar com a comercialização das cervejas artesanais.

Além disso, as fábricas estão em estágio crescente de aumento de produção. Hoje, a capacidade de produção instalada em Nova Friburgo é de 120 mil litros/mês, com tendência a crescimento. A produção é compatível com a venda, porém parte do que é produzido aqui é vendido em outras praças, especialmente no Rio de Janeiro.

Deguste – Feira da Cerveja Artesanal

O calendário de eventos da cidade também ganhou sua própria feira mensal de cervejas artesanais, com direito a muito lúpulo e puro malte. Reunindo as principais cervejas artesanais da cidade, contando ainda com Food Trucks e muita música, o “Deguste” já nasceu sendo um sucesso. O primeiro evento aconteceu no último sábado, 18, e movimentou a Praça do Suspiro, além do belo cenário aos pés do Teleférico.

A feira, que pretende fomentar todo o setor turístico e de cervejas artesanais do município, conta com o apoio da Prefeitura através da secretaria de Turismo, e da ACervA Friburgo – Associação dos Cervejeiros Artesanais de Friburgo e está prevista para acontecer sempre no terceiro sábado de cada mês, na Praça do Suspiro.

Fizeram parte do evento as Cervejarias W-Kattz, Barão, Ranz Bier, Imperatriz, Dual Bier, Buzzi, Vegbier e, na parte de gastronomia, o Scavarda’s, Espeteria do Barão, Manjericão, Deck Restô. A ACervA Friburgo também esteve presente com um stand falando sobre o crescimento do setor de cervejas artesanais em Nova Friburgo.

Entre os principais objetivos da feira está o de incluir Nova Friburgo definitivamente na rota cervejeira artesanal do Estado, fomentando o turismo da cidade e fortalecendo ainda mais o setor, promovendo e divulgando as marcas das cervejas, aumentando a renda da cidade, ampliando o mercado consumidor e ampliando as oportunidades de negócios. No primeiro evento, o objetivo foi alcançado, as cervejarias esgotaram os estoques e o movimento lotou a Praça do Suspiro.

De acordo com a Abracerva – Associação Brasileira de Cerveja Artesanal – existem hoje no Brasil cerca de 300 microcervejarias, com faturamento de aproximadamente R$ 2 bilhões ao ano. E o segmento está em plena expansão. As cervejas artesanais vêm ganhando reconhecimento e espaço ao levar algo diferenciado a um mercado consumidor acostumado com produtos industriais de massa.

Nenhum comentário: