sexta-feira, 20 de janeiro de 2017

Campeão mundial de MMA, Marlon Moraes fará treino aberto para crianças e jovens na antiga Rodoviária Urbana

A Prefeitura de Nova Friburgo, através da Secretaria Municipal de Esportes, promove no próximo dia 21 de janeiro (sábado), um treino aberto de artes marciais comandado pelo lutador friburguense Marlon Moraes, campeão da categoria peso-galo do World Series Of Fighting (WSOF), um dos maiores eventos de MMA (artes marciais mistas) do mundo. A atividade será realizada a partir das 10h, na Estação Livre, a antiga Rodoviária de Integração, no Centro da cidade.



Além da aguardada presença do lutador, que volta a Nova Friburgo após defender pela 6ª vez o cinturão da categoria no WSOF, estão previstas diversas atrações para as crianças, jovens e também adultos. Serão muitas brincadeiras, show com a bateria da Escola de Samba Unidos da Saudade (atual campeã do carnaval friburguense) e outras surpresas que serão reveladas apenas durante a ação.

A pedido do próprio Marlon, a Prefeitura de Nova Friburgo solicita que todos os presentes contribuam com a doação de 1kg de alimento não-perecível. Tudo que for arrecadado será revertido a instituições de caridade do município.

Marlon Moraes, o Marlinho

Atualmente morando em New Jersey, nos Estados Unidos, Marlinho (como é chamado por amigos e familiares), nasceu em 18 de março de 1989. Prestes a completar 29 anos de vida, o atleta, que foi criado no bairro Cordoeira, começou no muay thai aos 7 anos de idade e ganhou tudo que podia na modalidade, entre títulos estaduais, nacionais e até internacionais.

‘Magic Marlon’ (alcunha que recebeu da imprensa americana especializada em MMA), é mais um pupilo do mestre de muay thai Anderson França, que também formou Edson Barboza Junior, o Juninho, atualmente uma das estrelas do UFC. Marlinho e Juninho são amigos de infância e, até hoje, quando podem, treinam juntos, se ajudam e trocam experiências.

Marlon Moraes fez sua estreia no MMA em abril de 2007 e passou por eventos como Shooto, Dojo Combat, RMMA, Ring Of Combat e XFC, até assinar com o WSOF em setembro de 2012. De lá para cá foram 11 lutas e 11 vitórias (sendo 5 por nocaute, 2 por finalização e 4 por decisão dos juízes).

Nenhum comentário: